Novidades

SulAmérica Auto aponta crescimento no número de mulheres que contratam seguro para pick-ups e motos

Compartilhe:

08/03/2016 - CDI Comunicação

Análise de carteira também mostra que elas são maioria entre os segurados jovens e que acionam 15% menos o serviço de reboque e 41% mais o borracheiro em relação aos homens

São Paulo, 7 de março de 2016 – Levantamento da SulAmérica sobre contratação e utilização do seguro Auto aponta crescimento de 34% na contratação de seguros para pick-ups pesadas por mulheres entre 2013 e 2015, enquanto a alta registrada entre os homens foi de 25%. No mesmo período, as apólices para motos contratadas pelo público feminino subiram 16% – no masculino, houve decréscimo de 8%.

O estudo também mostra que as mulheres utilizam mais determinados serviços de assistência 24h. Em comparação aos homens, as seguradas acionam 41% mais o borracheiro para troca de pneus e 56% mais o Motorista Amigo, serviço que busca o segurado e seu veículo onde estiverem e os transportam até seu destino. Por outro lado, o reboque é 15% menos utilizado por elas.

Atualmente, as mulheres são maioria entre os clientes jovens do seguro de automóvel da SulAmérica. Entre os segurados que informaram seu perfil – sexo, idade e outros dados – elas representando 62% da carteira com faixa etária entre 18 e 25 anos e 59% do grupo com idades entre 26 e 35 anos.

A maior parte das seguradas (71%) é condutora principal dos veículos e, por isso, tem acesso a uma série de serviços e benefícios exclusivos do produto SulAmérica Auto Mulher. Algumas das vantagens são: possibilidade de contratação da cobertura de isenção de franquia para o primeiro sinistro, ausência de limite para utilização da troca de pneus e auxílio mecânico ou reboque em caso de pane, disponibilidade de acompanhante à delegacia em caso de roubo ou furto e mais utilizações do serviço de Motorista Amigo, além uma central de atendimento exclusiva para assistência 24h e aviso de sinistro.

“A SulAmérica está preparada para atender todos os perfis de consumidores. No caso do público feminino, estamos atentos às mudanças de comportamento das consumidoras, sempre observando esses dados para conceber produtos e serviços que atendam às necessidades que de tempos em tempos se renovam”, afirma o vice-presidente de Auto e Massificados da SulAmérica, Eduardo Dal Ri.